sábado, 12 de novembro de 2016

A igreja perseguida

A igreja perseguida
pr. Walter Filho 11/11/16

Porque Deus, que disse que das trevas resplandecesse a luz, é quem resplandeceu em nossos corações, para iluminação do conhecimento da glória de Deus, na face de Jesus Cristo.
Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus, e não de nós.
Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados.
Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos;
Trazendo sempre por toda a parte a mortificação do Senhor Jesus no nosso corpo, para que a vida de Jesus se manifeste também nos nossos corpos;
E assim nós, que vivemos, estamos sempre entregues à morte por amor de Jesus, para que a vida de Jesus se manifeste também na nossa carne mortal.
2 Coríntios 4:6-11

A perseguição é uma realidade na vida cristã

E também todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições. 2 Timóteo 3:12

Encarar a perseguição como motivo de alegria

Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa.
Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós.
Mateus 5:11,12

O mundo não persegue a igreja, mas ao “Senhor da Igreja”

Atos 9
1 E Saulo, respirando ainda ameaças e mortes contra os discípulos do Senhor, dirigiu-se ao sumo sacerdote.
2 E pediu-lhe cartas para Damasco, para as sinagogas, a fim de que, se encontrasse alguns deste Caminho, quer homens quer mulheres, os conduzisse presos a Jerusalém.
3 E, indo no caminho, aconteceu que, chegando perto de Damasco, subitamente o cercou um resplendor de luz do céu.
4 E, caindo em terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues?
5 E ele disse: Quem és, Senhor? E disse o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues. Duro é para ti recalcitrar contra os aguilhões.

Como agir diante das perseguições?

Eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e inofensivos como as pombas.
Acautelai-vos, porém, dos homens; porque eles vos entregarão aos sinédrios, e vos açoitarão nas suas sinagogas;
E sereis até conduzidos à presença dos governadores, e dos reis, por causa de mim, para lhes servir de testemunho a eles, e aos gentios.
Mas, quando vos entregarem, não vos dê cuidado como, ou o que haveis de falar, porque naquela mesma hora vos será ministrado o que haveis de dizer.
Porque não sois vós quem falará, mas o Espírito de vosso Pai é que fala em vós. (HÁ UMA APLICAÇÃO ERRADA DESSE TRECHO)
E o irmão entregará à morte o irmão, e o pai o filho; e os filhos se levantarão contra os pais, e os matarão.
E odiados de todos sereis por causa do meu nome; mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo.
Mateus 10:16-22

Princípio das dores

Estamos no princípio das dores?
·         Falsos profetas: Mateus 24.11 E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos.
·         Traição e ódio entre “irmãos”: Mateus 24.10 Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão.
·         Multiplicação da iniqüidade e esfriamento do amor: Mateus 24.12 E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará.

Perseguição no tempo do fim

Mateus 24.9 Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vosão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.

O que a igreja deve fazer em face da perseguição e do princípio das dores

Duas coisas
·         Perseverar: Mateus 24.13 Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo.

·         Pregar o evangelho: Mateus 24.14 E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário